Como escolher a profissão?

Data: 26 de Abril de 2019 — Por Redação - Escolha a Escola
Pesquisa mostra que 8 em 10 brasileiros não sabem qual profissão escolher
Pesquisa mostra que 8 em 10 brasileiros não sabem qual profissão escolher

A escolha da profissão é um dos principais desafios dos jovens estudantes do Ensino Médio. Uma pesquisa realizada pela CMOV - Construindo Carreiras, plataforma online especializada em Recursos Humanos e treinamentos - mostra que oito em dez universitários brasileiros não sabem qual carreira a seguir.

Em entrevista ao Escolha a Escolha, o orientador vocacional Guilherme Davoli reflete sobre as mudanças de paradigmas sobre a universidade. Segundo ele, antigamente, a universidade era uma grande meta, mas não era tão fundamental, pois os estudantes tinha possibilidade de ir para outras áreas, como comércio ou cursos técnicos, estes muitas vezes com mais aderência ao mercado de trabalho.

"Não vamos nos bastar aos conhecimentos que a escola traz, porque isso segue um padrão colocado pelo próprio país pensando em determinados vestibulares. É necessário pensar além. Quais outras coisas eu gosto? Quais outras coisas eu gostaria de me aprofundar? E a partir daí eu vou localizando algumas profissões, pegamos as habilidades que estão dentro delas para se transformar em um profissional mais dinâmico", reflete.

Segundo o orientador vocacional, as profissões estão mudando e os futuros profissionais precisam estar atento para se renovar e acompanhar às mudanças da sociedade.

"É importante entender os conhecimentos e as ferramentas, além de entender que a nossa dinâmica diante do novo é que fará a grande diferença. A partir daí eu começo a caminhar atrás de uma profissão", explica Davoli.

O profissional ainda relata o perigo na projeção que os pais têm na escolha da profissão dos filhos.

"As pessoas precisam se descobrir dentro de suas competências. É importante que os pais entendam que o medo deles de serem fracassados ou dos filhos virem a fracassar economicamente ou socialmente é o mesmo medo que os estudantes têm quando ele chega na escola e percebe que algo escapa da mão", diz o orientador.

Para evitar isso, o profissional orienta diálogo entre alunos, escola e pais.

"Esse medo será resolvido através do conhecimento. Por isso, é fundamental familia conversar com a escola, família conversar com o filho, escola conversar com o aluno para que essa conjunção permita o pensamento do mundo e das oportunidades, fazendo com que as carreiras sejam abertas"

Confira a entrevista completa do orientador vocacional Guilherme Davoli.

Inscreva-se no canal Escolha a Escola no YouTube e receba as notificações de novos vídeos.